macacos e colibris

Crônicas  Textos  Entrevistas

Textos

Essa mulher


Entre um poema e outro
Essa mulher me aquece
Com o lençol do corpo
Carnes róseas, quentes carnes
Em noites miraculosas

Difícil escrever versos
Quando se tem no corpo
Essa mulher ardente
Mulher pulsando uma agonia
- De muito amor -
Pois todo bem é agonia

O lume do olhar
O ventre que se mostra
Em plena dor
É a plena gloria
De um verso de amor









Jose Balbino de Oliveira
Enviado por Jose Balbino de Oliveira em 23/10/2014
Alterado em 23/10/2014


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras