macacos e colibris

Crônicas  Textos  Entrevistas

Textos

Despedida



Amiga, onde estaremos depois de amanhã,
Assim que o tempo diferente nos afastar?
Amiga, tenho medo dos meses, dos anos,
Longe de tí
Distante do teu sorriso
Dos teus olhos confiantes
Das mãos que regem
Os meus sonhos

Não sei como me despedir de tí
Da vida é facil, basta um gesto
Um gemido, que guardarei para o final
Não me ensinaram a despedir do grande amor

Penso que o verão chegará sem nos dois
Disse tudo o que sabia dizer
Não me responda nada, nem com sorrisos!

Musa, parca, deusa!
Melhores dias de sol para o novembro
E melhores novembros para os dias de sol!


Jose Balbino de Oliveira
Enviado por Jose Balbino de Oliveira em 24/06/2011


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras