macacos e colibris

Crônicas  Textos  Entrevistas

Textos

Primavera


Os Ipês estão florindo
As tardes mudaram de cor
É ela que vem chegando
Pra fecundar margaridas
Bordar ouro em girassóis
E despertar os canteiros

Vem pra trazer confissões
Alianças eternas de amor
Pencas de lírios sorrindo
Na boca do beija flor

Ó madre rainha regente
Dos meus jardins sorridentes
Madre rainha, rainha madre
Dos passarinhos contentes

Bendita tu entre as mulheres
Que pariu a luz e as flores
Ainda deu cantiga ao vento
Pra festejar tantas cores

Te louva o capim de cheiro
Os passos da lua cheia
Mirtes, Camélias, Hortências
E a rosa que bamboleia.


Jose Balbino de Oliveira
Enviado por Jose Balbino de Oliveira em 29/09/2009


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras