macacos e colibris

Crônicas  Textos  Entrevistas

Textos

Pode ser?



E quando eu chegar aí, quero te encontrar com o vestido mais simples,
O cabelo desalinhado, um sorriso de muita alegria,
Pode ser?

Com o olhar de setembro,
Semeando flores em pensamento, para a virtude da primavera,

Com cheiro de rosa, alfazema, manjericão,
E gosto de capim cidreira na boca.

Depois dizer baixinho, gritar se quiser
Que sentiu falta de chuva, do anoitecer
Não dizer coisa com coisa, se esquecer de qualquer coisa
Pra lembrar que estou aí,
Pode ser?



Jose Balbino de Oliveira
Enviado por Jose Balbino de Oliveira em 14/02/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras