macacos e colibris

Crônicas  Textos  Entrevistas

Textos

Essa mulher


Entre um poema e outro
Essa mulher me aquece
Com o lençol do corpo
Carnes róseas, quentes carnes
Em noites miraculosas

Difícil escrever versos
Quando se tem no corpo
Essa mulher ardente
Mulher pulsando uma agonia
- De muito amor -
Pois todo bem é agonia

O lume do olhar
O ventre que se mostra
Em plena dor
É a plena gloria
De um verso de amor









Jose Balbino de Oliveira
Enviado por Jose Balbino de Oliveira em 23/10/2014
Alterado em 23/10/2014
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras